Frieiras: Saiba como se livrar desse incômodo AGORA MESMO!

0
Frieiras: Saiba como se livrar desse incômodo AGORA MESMO!

A frieira é um problema que ataca a pele de diversas pessoas e pode ocorrer por diversos motivos. A boa notícia é que ela é facilmente tratável e você vai ver a recuperação em poucos dias após iniciar o tratamento corretamente.  Neste texto você vai ver como funciona esse tratamento, além de entender o que são as frieiras, as suas causas e outras informações muito importantes. Confira!

O que são frieiras?

A frieira é uma infecção causada por fungos e que ataca a pele das pessoas, principalmente a região dos pés. É também conhecida popularmente como doença do pé de atleta.

É o tipo de micose mais comum em todo o planeta e pode ser facilmente contraída, basta encostar em um objeto ou animal com o fungo que a possibilidade de pegar a frieira já é real.

É uma doença tão comum que 80% das pessoas do planeta já tiveram frieira, pelo menos, uma vez na vida.frieiras

O que causa?

A causa da frieira é o contato direto da pele com o fungo. Esse contato se dá a partir de várias possibilidades. Pode ser por um objeto, terra molhada, grama, academia, piscina e até mesmo animais.

Por conta dessa diversidade de possibilidades de se adquirir as frieiras, ela é um problema de saúde bem comum, mas também é simples de ser tratado.

O que a pessoa não pode é deixar de lado, pois ela pode avançar para outras partes do corpo e, aí sim, ficar mais grave e perigosa.

Sintomas

A frieira causa muita irritação, coceira, vermelhidão no local, inchaço, bolhas, rachadura na pele e o mau cheiro nos pés. É bom lembrar que é mais comum que ela ocorra nos pés, mas isso não é uma regra.

As frieiras podem aparecer nas mãos, na virilha, na axila e em qualquer outra parte que tenha pele no seu corpo. Ou seja, todo ele.

Os sintomas são parecidos, independente da parte em que as frieiras se instalarem.

Como tratar frieiras?

Normalmente o tratamento é feito com o uso de pomadas antifúngicas, como o Cetoconazol, Daktazol e Vodol. Também pode ser que o médico indique um medicamento via oral também antifúngico, como é o caso do Fluconazol.

Se a escolha for a pomada, ela é aplicada duas vezes ao dia, de 12 em 12 horas. Caso o medicamento seja via oral, o próprio médico vai definir a posologia que deve ser utilizada.

Além de utilizar a pomada, é preciso que o paciente mantenha o local com a frieira sempre limpo e seco. Isso vale, inclusive, como forma de prevenção.

As frieiras se espalham e se desenvolvem por conta da umidade na pele, se ela estiver sempre seca, você não vai pegar frieira nunca na sua vida.

Como cuidar?

Para cuidar do seu corpo e evitar o aparecimento de frieiras, a dica é bem simples: mantenha a sua pele limpa e seca. E isso pode ser feito de várias formas.

Se você sua muito nos pés, por exemplo, não use sapato fechado sem meias de algodão, por exemplo, que essa situação vai ser um verdadeiro ninho de fungos.

Outras dicas são importantes: tome banho sempre com chinelo, use talco antifúngico nos sapatos, deixe os sapatos no sol após utilizá-los e seque a parte entre os dedos com muito cuidado, principalmente se você for colocar um sapato fechado após molhar os pés.

frieiras

Tratamentos caseiros

O tratamento caseiro para frieiras consiste na limpeza e secagem correta do local infectado, além do uso de pomadas naturais que auxiliam na eliminação mais rápida do fungo.

Há também o uso de vegetais e chás para aliviar os sintomas e acelerar a recuperação. Muitas pessoas utilizam o chá de erva-mate para isso.

Basta colocar a parte com as frieiras submerso no chá  com a água quente para morna e mantê-la lá dentro até aguentar.

Faça essa operação duas vezes por dia até se curar. Lembrando que os pés precisam ser secados logo após o tratamento.

Remédios

Os remédios são as pomadas e também os medicamentos via oral antifúngicos.

É contagioso?

As frieiras são altamente contagiosas. Só que é bem mais comum a pessoa pegar essa doença por meio de contato com objetos e animais contaminados com o fungo, do que com outra pessoa.

É preciso ainda que o local esteja propício para a proliferação do fungo, ou seja, sujo, úmido, suado, entre outras características.

As frieiras são muito comuns e facilmente tratáveis como você viu nesse texto.

Se tem algum amigo atleta e que já sofreu com isso, mande este texto para ele e leia também o texto sobre Psoríase!

Recomendamos para você:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *