Fibromialgia: Conheça essa doença que provoca dores por todo o corpo!

0
Fibromialgia: Conheça essa doença que provoca dores por todo o corpo!

Algumas pessoas têm muitas dores pelo corpo, a principio sem motivo aparente, e acabam descobrindo que isso se trata de uma doença ainda sem cura e que é pouco conhecida, a Fibromialgia.

Essa doença provoca dores nas articulações, músculos e pelo corpo em geral. Para saber mais sobre a Fibromialgia, como ela surge, como aliviar os sintomas e como se prevenir, confira nosso artigo que vamos explicar tudo para você!

O que é a Fibromialgia?

A Fibromialgia é uma doença crônica, ou seja, ela não possui cura. Porém o seu diagnóstico precoce ajuda aos médicos a encontrarem soluções mais eficazes para aliviar os sintomas dela, sendo o principal deles dores por todo o corpo que impedem os portadores dessa doença de desenvolverem suas atividades normalmente.

Fibromialgia diagnóstico

As vezes um diagnóstico de Fibromialgia pode demorar até anos para ser feito, uma vez que aos olhos clínicos e nos exames não é possível se constatar nada anormal e muito menos explicar de onde vem as dores tão intensas.

Somente após algumas consultas e análise dos sintomas relatados pelos pacientes é que o médico pode chegar ao diagnóstico de fibromialgia. O quando antes ele for feito, melhor é para o paciente para ele se adaptar a doença e se acostumar com o tratamento, que deverá ser feito ao longo de toda a vida.

Pessoas de qualquer idade podem ter essa doença, mas o mais comum é descobrir entre 30 e 50 anos de idade, porém ela pode ocorrer também em crianças, que terão um tratamento adequado para aliviar as dores e não ter sintomas dessa enfermidade.

a fibromialgia é uma doença sem cura e que provoca dores Fibromialgia tem cura?

Não, essa doença infelizmente ainda não possui cura, porém seu tratamento é bem eficaz e as pessoas que o seguem corretamente conseguem ter uma vida normal, mesmo com a doença. Porém é preciso saber que algumas vezes as dores podem ser tão fortes que nem mesmo os medicamentos normais do tratamento resolvem, sendo necessário, nesse caso, procurar seu médico para que ele recomende um analgésico adequado e mais potente.

Sintomas da Fibromialgia

Por muito tempo foi difícil de conseguir diagnosticar essa doença, pois as dores dos pacientes não eram consideradas reais, já que não era possível identificar o causador delas. Porém hoje em dia já é mais fácil de ter um diagnóstico preciso e que é baseado nos sintomas da Fibromialgia que pode ser:

  • Dores musculares, nas articulações, e por todo o corpo, sem nenhuma cauda aparente como batidas, acidentes e outros motivos que possam ser o causador das dores.
  • Fadiga, sentir-se muito cansado mesmo após fazer pequenos exercícios e não ter disposição para fazer nada.
  • Falta de concentração, de foco e possíveis problemas de memória.
  • Dores de cabeça por longa duração e que não passa com medicação
  • Dormência e formigamento nas mãos e nos pés
  • palpitações
  • Problemas de sono

Causas da Fibromialgia

Não existem causas específicas para a Fibromialgia, porém existem algumas pessoas que se encontram em grupo de risco, como é o caso das mulheres entre 30 e 50 anos, que é quando mais se diagnostica essa doença.

Mas a doença pode ser causada por três fatores, a genética, ou seja, se alguém em sua família tem a doença, suas chances são maiores do que de outras pessoas de ser diagnosticada com a Fibromialgia. Infecções e doenças causadas por vírus também podem provocar essa doença e o sedentarismo, problemas de sono, má alimentação e falta de atividades físicas, também são fatores observados em pessoas que apresentaram essa doença.

fibromialgiaTratamento da Fibromialgia

O Tratamento dessa doença consiste em uma combinação de tratamentos na verdade, uma vez que é utilizada medicação para aliviar as dores, mas também é feito um trabalho de fisioterapia, plano de atividades físicas moderadas para não forçar os músculos.

As massagens e a acupuntura também são utilizadas no tratamento da fibromialgia, pois ajudam o corpo a relaxar os músculos e ficando menos tensos as dores, quando ocorrem, são mais moderadas. Para que o paciente tenha uma vida normal, mesmo após o diagnóstico, também são recomendados terapia ocupacional e a prática de métodos que ajudem a aliviar o estresse e a diminuir os pensamento negativos.

Com um tratamento adequado e mantendo uma vida sem sedentarismo, as pessoas que possui essa doença podem continuar com sua rotina habitual, mas sempre procurando por atividades menos estressantes e exaustivas.

Se você ficou com algum dúvida sobre essa doença, nos conte nos comentários!

Você Também Irá Curtir

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *