Lúpus: Conheça a doença, seus sintomas e mais informações!

0
Lúpus: Conheça a doença, seus sintomas e mais informações!

O lúpus é uma doença autoimune, onde as células de defesa do organismo atacam as células sadias, causando inflamação. Afeta principalmente a pele, as articulações, os olhos, rins, cérebro, pulmão ou coração. Ainda não se sabe o que causa o lúpus, mas especialistas acreditam que seja resultado da mistura da genética com a influência do meio ambiente (exposição à luz solar e uso de alguns medicamentos, por exemplo. É mais comum em mulheres de 15 a 40 anos, mas pode surgir em pessoas de todas as idades.

Tipos de Lúpus

Existem três tipos:

  • Lúpus discoide: Inflamação na pele, com lesões que costumam aparecer no rosto, na nuca e no couro cabeludo.
  • Lúpus sistêmico: Inflamação no organismo, afetando vários órgãos ou sistemas.
  • Lúpus induzido por drogas: Inflamação e sintomas causadas pelo uso de algumas drogas ou medicamentos, que desaparecem com a descontinuação do uso da

substância causadora.

O lúpus discoide pode evoluir para o tipo sistêmico.

Tem cura?

O lúpus não tem cura, mas existe tratamento para aliviar os sintomas e evitar que eles reapareçam. O tratamento é feito com um médico reumatologista, e é feito de acordo com o órgão afetado, mas pode incluir remédios anti-inflamatórios e corticoides, que também reduzem a inflamação. Em alguns casos, pode ser receitado também um medicamento antimalárico, que ajuda a desenvolver os sintomas do lúpus. Nos casos mais graves ou que acarretem risco de morte (como a anemia hemolítica, amplo envolvimento cardíaco ou pulmonar, doença renal ou envolvimento do sistema nervoso central) pode ser necessário o uso de drogas citotóxicas (que bloqueiam o crescimento celular) e remédios imunossupressores, que diminuem a ação do sistema imune e alivia os sintomas. Medicamentos imunossupressores podem causar infecções recorrentes, além de aumentarem o risco de câncer.

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Este artigo é apenas informativo, e não recomendamos ou incentivamos a automedicação.

Lúpus

Pode matar?

As inflamações causadas pelo lúpus podem evoluir e tornar a doença mais crítica, causando por exemplo, insuficiência renal ou hepática, o que pode levar ao óbito.

Quais são os sintomas?

Os sintomas do lúpus variam muito de pessoa pra pessoa e de acordo com o órgão afetado, mas os mais comuns são:

  • Dificuldade de respirar ou dor no peito ao respirar profundamente;
  • Dor de cabeça e perdas de memória;
  • Dor, rigidez ou inchaço nas articulações e músculos;
  • Fadiga (cansaço excessivo);
  • Febre que pode se tornar constante e acima de 38º C;
  • Mancha vermelha no rosto, em forma de asas de borboleta;
  • Pequenas feridas na pele que pioram quando expostas ao sol;
  • Sensibilidade à luz solar;
  • Queda de cabelo.

Dependendo do órgão afetado (no caso do lúpus sistêmico), podem ocorrer outros sintomas:

  • Cérebro e sistema nervoso: alterações no comportamento e personalidade, cefaléia (dor de cabeça), convulsões, dormência, formigamento e problemas de visão;
  • Coração: Arritmia
  • Pele: Coloração irregular, dedos azulados ou brancos quando expostos ao frio (fenômeno de Raynaud);
  • Pulmão: Dificuldade de respirar e tosse com sangue;
  • Trato digestivo: Dor abdominal, náuseas e vômito

Que alimentos a pessoa com Lúpus pode comer ou deve evitar?

Existem alguns alimentos que tem propriedades anti-inflamatórias, e por isso devem ser incluídos na alimentação de quem tem lúpus:

  •  Alimentos ricos em ômega 3, como atum, arenque, bacalhau, cavalinha, salmão, sardinha e truta;
  • Alimentos antioxidantes (que protegem as células sadias do corpo), como alho, aveia, brócolis, cebola, chá verde, couve-flor, repolho, semente de linhaça, soja, tomate e uva;
  • Alimentos ricos em óleos vegetais: Frutas oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas)
  • Alimentos alcalinizantes (capazes de equilibrar a acidez do sangue), como abacate, alface, beterraba, cebola, cenoura, couve, germinados (grãos, sementes, leguminosas, cereais e hortaliças), laranja azeda, lentilha, limão, nabo, pepino, e tomate.
  • Além dessa listinha, é recomendado que pacientes com lúpus comam alimentos orgânicos e integrais.

Lúpus

Já alimentos que devem ser evitados são:

  • Enlatados e embutidos, que são ricos em conservantes;
  • Doces e açúcar simples, que pode ser substituído por açúcar mascavo;
  • Gordura trans e gordura saturada

Os cuidados com a saúde do paciente com lúpus vão além da alimentação saudável. Recomenda-se fazer exercícios físicos, tomar cuidado com a exposição ao sol (com uso de protetor solar) e beber bastante água todos os dias.

Recomendamos para você:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (51 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *