Pancreatite: O que é? Quais são os sintomas? Tem cura? Qual o tratamento?

0
Pancreatite: O que é? Quais são os sintomas? Tem cura? Qual o tratamento?

A pancreatite é a inflamação no pâncreas, um órgão de forma longa achatada localizado atrás do estomago e na parte superior do abdômen. No organismo, o órgão tem a função de produzir enzimas que ajudam na digestão dos alimentos e na regulação de hormônios que ajudam a regular o processamento do açúcar no sangue.

Acompanhada de muita dor, a pancreatite pode ser um transtorno na vida da pessoa. Se você tem dúvidas a respeito dessa doença, você está no lugar certo. Aqui mostraremos quais os tipos, sintomas e o melhor tratamento para cada caso. Acompanhe:

O que é pancreatite?

Como dito, a pancreatite é basicamente a inflamação do pâncreas. Essa inflamação ocorre quando as enzimas digestivas produzidas por esse órgão, são ativadas antes de serem liberadas no intestino delgado e dessa forma, faz com que ela ataque o próprio pâncreas. Em decorrência disso, causa a inflamação.

pancreatite

Quais os tipos?

A pedra na vesícula é uma das principais causas do aparecimento da pancreatite. Isso devido ao fato de que as pedras podem ficar armazenadas na junção do ducto pancreático principal e do ducto biliar.

Essa junção ocorre para formar o duodeno, que é a primeira parte do intestino grosso. Dessa forma, o liquido enzimático do pâncreas acaba ficando no próprio órgão, causando a inflamação dele e também dó ducto biliar. Esse tipo de pancreatite é chamado de pancreatite biliar e pode ser curado com a remoção das pedras e medicação.

Já a forma crônica da doença, ocorre constantemente e por um longo período de tempo, mesmo depois da remoção das pedras. Pessoas com esse tipo de pancreatite podem sofres danos irreversíveis no órgão. O que pode causar uma produção insuficiente de enzimas digestivas e alteração na produção de hormônios que controlam o açúcar no sangue.

Por fim, temos a pancreatite crônica que se caracteriza pela inflamação progressiva do pâncreas e com o aparecimento de mudanças morfológicas no órgão. Nesses casos, o tratamento deve ser iniciado assim que os sintomas sejam observados.


QUER SABER MAIS SOBRE PEDRA NA VESÍCULA? CLIQUE AQUI


Qual o tratamento da pancreatite?

O tratamento da pancreatite pode ser realizado por meio de dieta ou então, cirurgia. O tratamento mais indicado vai depender de cada caso, se está em fase avançada ou inicial. No tratamento por meio de dieta, o paciente deve evitar ao máximo o consumo de gorduras e intensificar o consumo de líquidos. O seu médico também poderá indicar a suplementação com vitaminas.

Já a opção cirúrgica, é indicada nos casos em que o médico constata que a causa do problema é o bloqueio dos dutos do pâncreas devido a pedras vesiculares. Nesse caso, a cirurgia será feita para remoção dessas pedras e com posterior tratamento com medicação anti-inflamatório.

Alguns hábitos e doenças também podem ocasionar ou até mesmo agravar a pancreatite. São eles: o alcoolismo, hábitos tabagistas, fibrose cística, histórico familiar, infecções, câncer do pâncreas, alguns tipos de medicamentos e altos níveis de cálcio no sangue.

órgão pâncreas

Quais os sintomas?

Os sintomas da pancreatite podem variar conforme o tipo de inflamação e as causas dela. Os principais sintomas observados na sua forma aguda incluem dor no abdômen superior e que irradia para as costas, dores abdominais que se intensificam após a ingestão de alimentos, febre, aumento da frequência cardíaca, náusea e vômito.

Já na forma crônica os sintomas são dores abdominais na parte superior do órgão, perda de peso sem estar fazendo dieta de emagrecimento e fezes com características oleosas e com odor mais forte do que o normal.

Pancreatite tem cura?

Sim. A pancreatite tem cura e para isso a procura da melhor opção de tratamento é uma recomendação. Ao observar algum dos sintomas característicos dessa doença você deve informar ao seu médico. Só ele saberá indicar o melhor tratamento para o seu caso.

Como visto anteriormente, os tratamentos podem ser por cirurgia ou então dieta e medicação e por isso, cada caso é um caso. Quanto mais se estender o tempo até a procura de um tratamento, maior será a extensão do problema e nessas situações, pode causar danos irreversíveis ao órgão. O não tratamento também pode causar dificuldades para respirar, diabetes, desnutrição, câncer do pâncreas, falha dos rins e infecções generalizadas.

Recomendamos para você:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *