Transtorno bipolar: TODA A VERDADE sobre esse distúrbio está aqui!

0
Transtorno bipolar: TODA A VERDADE sobre esse distúrbio está aqui!

Muito se fala sobre transtorno bipolar, mas a maioria das informações que as pessoas leigas trocam são completas inverdades. O distúrbio não é a alteração de humor repentina, ou a mudança drástica e rápida da forma de se relacionar com outras pessoas.

Isso é apenas um mecanismo de defesa que as pessoas fazem no dia a dia, muito diferente de um transtorno de verdade, um distúrbio, um problema psicológico.

Neste texto, você vai vencer todos os seus preconceitos e ideias equivocadas ao conhecer e entender de verdade o que é o transtorno bipolar. Veja nos próximos tópicos todas as informações necessárias para descobrir tudo sobre esse distúrbio!

O que é Transtorno bipolar?

O transtorno bipolar é um distúrbio de humor que faz com que a pessoa, de tempos em tempos, altere a sua forma de viver da depressão até a obsessão.

Diferentemente do que as pessoas acham, essas alterações de humor não ocorrem dentro de um mesmo dia, ou a depender dos momentos da vida. Ela é periódica, ou seja, de tempos em tempos, quase que cronometrado, o humor da pessoa muda.

Normalmente, os estágios de depressão podem durar até seis meses, assim como os de obsessão duram também por até seis meses. Alguns pacientes podem ter por menos tempo, mas nada que se mude de um dia para outro.

No mínimo, o paciente fica duas semanas no estágio de depressão e duas semanas no de euforia e obsessão.

transtorno bipolar

Afetivo

Afetivo é só o nome do meio dado ao transtorno bipolar. Essa doença depressiva grave e crônica que pode atuar durante a vida toda do paciente. Os médicos chamam as fases de depressiva e mania.

A mania é o nome dado para a fase do êxtase, da obsessão, da euforia, Já a depressão é o que o próprio nome já diz.

Essas oscilações de humor, além de serem periódicas, também são muito intensas. Então a pessoa com mania, ela fica eufórica e obsessiva 24 horas por dia, enquanto estiver nessa fase. Assim como ocorre na época da depressão.

Por isso, o transtorno afetivo bipolar é fácil de ser diagnosticado. É muito específico o sintoma principal que a pessoa com distúrbio tem.

Tipos

São três tipos principais de transtorno bipolar, além de outros não numerados, mas que também podem ocorrer.

O tipo 1 é caracterizado por pacientes que possuem os sintomas maníacos por, pelo menos, sete dias seguidos. Já os depressivos ocorrem por mais de duas semanas e pode ocorrer deles alguns episódios esporádicos de depressão e mania ao mesmo tempo.

No tipo 2, os episódios maníacos e depressivos são mais bem divididos e com uma maior periodicidade. Normalmente, o paciente fica mais de um mês em depressão intensa e também mais de um mês e mania intensa.

Já o outro tipo é chamado de ciclotimia. Ele é definido como uma fase ainda mais duradoura entre os períodos. Normalmente, os pacientes têm de um a dois anos de depressão intensa e depois de um a dois anos de mania intensa.

Os outros tipos são diferentes do que ocorrem nos três citados acima. Como é uma doença psicológica, pode atingir de diversas maneiras e formas cada um dos pacientes.

Porém, a periodicidade da depressão e da mania é uma regra para esse distúrbio.

Teste

Além da análise, da terapia, da conversa, da realização de exames e da observação da vida do paciente, alguns psicólogos e psiquiatras também realizam testes para comprovar se a pessoa tem ou não o transtorno bipolar.

Esses testes são específicos para os profissionais da área psiquiátrica e psicológica e não podem ser feitos fora dos consultórios. Pode ser que você encontre e faça testes disponíveis na internet.

Eles não valem de nada e não podem tecer diagnóstico algum. O transtorno bipolar, além de outros problemas psicológicos, só podem ser diagnosticados por profissionais da área.

CID

O número do cadastro de doenças e transtornos internacionais descobertos pela medicina para o transtorno bipolar é o CID 10 F31.

O transtorno bipolar é de humor?

Todo transtorno bipolar é de humor. A diferença é que ele essa alteração de humor ocorre de tempos em tempos, de semanas em semanas, ou meses e meses, ou anos e anos e não no mesmo dia ou durante uma mesma semana.

transtorno bipolar

Misto

No tipo 1 é possível que haja alterações de humor mistas, ou seja, que a pessoa tenha em uma mesma situação a depressão e a mania. São casos muito específicos e facilmente diagnosticáveis.

É bom lembrar que as sensações do transtorno bipolar são crônicas, graves, intensas. Então os espaços de mania e euforia são muito obsessivos e os de depressão também muito depressivos.

Causas do transtorno

As causas são várias e, normalmente, é a mistura de mais de uma delas que faz com que o transtorno bipolar ocorra. A primeira causa genética, com base em histórico familiar, inclusive já foram estudados gêmeos que ambos possuem o distúrbio.

Outra causa tem a ver com a estrutura e o desenvolvimento cerebral do paciente. Estudos mostraram diferenças no cérebro dessas pessoas com outras consideradas saudáveis.

Essas diferenças podem ser de ordem química, física ou relacionada aos neurotransmissores.

O uso de drogas, álcool e cigarro também pode causar o transtorno bipolar, além de experiências traumáticas, conflitos graves, emoções e pensamentos confusos.

Agora que você já sabe tudo sobre o transtorno bipolar, leia também o texto sobre Alimentos que combatem a ansiedade e compartilhe este texto para que outras pessoas tenham real conhecimento sobre esse distúrbio.

Recomendamos para você:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *