Triglicerídeos: O que são? O que causa níveis altos e baixos?

0
Triglicerídeos: O que são? O que causa níveis altos e baixos?

Os triglicerídeos são gorduras importantes para o nosso organismo. No entanto, é preciso está nos níveis corretos, do contrário, quando ele está muito alto ou baixo demais, isso pode trazer sérios problemas para saúde. Adotar alguns hábitos e mudar a alimentação é fundamental para controlar os níveis dessa gordura.

O que são os triglicerídeos?

Tratam de gorduras consumidas por meio dos alimentos de origem vegetal e animal, como também podem ser fabricadas pelo nosso corpo. Eles são importantes para acumular energia para serem usadas quando o nosso organismo necessitar.

Porém, quando essa energia não é utilizada em atividades físicas constantes, a quantidade dessa gordura na corrente sanguínea aumenta causando danos graves para a saúde.

O que causa o aumento dos triglicerídeos?

O aumento de triglicerídeos pode acontecer por causa do consumo excessivo de gordura como queijos e carnes, e de carboidratos simples como açúcar. Outro fator que contribui para o aumento de triglicerídeos é a falta de atividade física juntamente com o ganho de peso.

A pessoa que come de tudo e não se exercita, certamente terá um aumento de triglicerídeos. No entanto, esse aumento também pode ser por causa de alguma alteração genética, doença e uso de alguns medicamentos.

veia triglicerídeos

Triglicerídeos baixo

Os triglicerídeos abaixo de 150 mg/dl é um indicativo que tudo está em ordem. Entretanto, se esse nível estiver muito baixo, menor que 35 mg/dl isso pode indicar problemas hormonais ou na tireoide.  Sua causa também pode ser devido ao exagero de exercícios físicos, desnutrição, nutrientes mal absorvidos e fraqueza.

Triglicerídeos muito baixo é preocupante porque aponta a existência de pouca quantia de energia comprometendo que todo o organismo funcione corretamente.

Alto

O aumento na corrente sanguínea pode causar sérios problemas de saúde. É considerado alto quando os níveis estão entre 200 a 499 mg/dl, e acima de 500 mg/dl é apontado como muito alto, ou seja, de risco.

Os triglicerídeos elevados aumentam as chances de infartos, aterosclerose, AVC, inflamação do pâncreas, dor de estômago, fígado e baço aumentados, e isquemia cerebral.

Quais os sintomas de triglicerídeos alto?

Não existem sintomas para identifica-lo alto. Essa condição vai causado danos ao organismo de modo silencioso, e o único meio de saber o nível de triglicerídeo é por meio de um exame de sangue.

Quando a quantidade está muito alta, pode surgir xantomas (aquelas placas de gorduras de cor amarela, que ficam localizadas nas regiões de dobras como pálpebras).

Como abaixar?

Uma das principais medidas é por evitar o consumo de álcool por completo, isso porque a bebida é muito calórica, provocando a fabricação de triglicerídeos. Outro a ser evitado é o tabagismo, ele eleva os riscos de problemas cardíacos intensificando os danos provocados pelos níveis de altos.

O sedentarismo também é outro fator que contribui para o aumento do triglicerídeos, por isso é muito importante a prática de atividades físicas.

alimentos embutidos

Triglicerídeos: o que comer?

É preciso evitar comer alimentos ricos em carboidratos simples e refinados como macarrão, arroz branco, pão, e alimentos doces, bem como bebidas doces (refrigerantes estão inclusos).

É fundamental seguir uma dieta equilibrada, rica em alimentos que contenham fibras como aveia, grão de bico, feijão, couve, chia, linhaça, amendoim, batata doce, arroz integral, entre outros.

Deve ser incluso na refeição diária, vegetais e frutas como alface, beterraba, couve, brócolis, rúcula, espinafre, pepino, cenoura, rabanete, abacaxi, banana, ameixa, maçã, melancia e outras. Não se esquecendo das carnes magras e do queijo branco.

É perigoso?

Sim, as taxas altas podem ser perigosas, pois eles provocam o aparecimento de radicais livres e estimulam processos inflamatórios, problemas que afetam diretamente os vasos sanguíneos. Eles instigam a produção excessiva de VLDL e quilomícrons, essas duas substâncias cooperam de forma direta para a obstrução das artérias, causando aterosclerose.

Exame de triglicerídeos

O exame para detectar os níveis é uma amostra de sangue que serve para examinar os motivos de risco para problema cardiovascular. Ele é realizado pelo recolhimento de sangue de uma veia em um dos braços.

Para os níveis serem tidos como normais é necessário estar abaixo dos 150 mg/dl.

Remédios

Geralmente quando as taxas estão altas, o médico prescreve remédios para impedir que surjam problemas de saúde, especialmente no pâncreas.

Um remédio muito conhecido é a Niacina. Mas outro remédio indicado para diminuir os níveis de triglicerídeos é o Genfibrozila, além de Estatina que é um remédio muito eficiente no combate de níveis altos.

Você Também Irá Curtir

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *